domingo, 26 de junho de 2011

Projeto SETI

SETI – Search for Extra-Terrestrial Intelligence  é um projeto que busca sinais de vida inteligente no universo. O projeto se baseia em sinais de rádio que são estudados via radiotelescópios terrestres.



O principal radiotelescópio utilizado é o de Arecibo. Além de detectar a existência de inteligência no universo, busca também se comunicar com esses sinais e formas de vida utilizando ondas eletromagnéticas (sinais de rádio).

Dentro desse projeto há o SETI@HOME, que disponibiliza através da internet, a possibilidade de qualquer pessoa , voluntariamente,  colaborar no processamento da análise desses sinais a partir de seu computador pessoal (mais sobre o programa em http://setiathome.ssl.berkeley.edu/ ).

O internauta cadastrado no SETI pode carregar os dados obtidos por um radiotelescópio, e analisados pelo processador do computador pessoal. Após a análise, os dados são retransmitidos para o controle central do projeto.

O Brasil está entre os trinta países que mais coletam analisam os dados, com quase 70.000 colaboradores. Em julho de 2007, todo o mundo contou com a participação de 229 países diferentes.

Arecibo é um radiotelescópio porto-riquenho. A mensagem de Arecibo foi planejada em 1974, numa potência de transmissão de sinais de até 20 terawatts. A primeira mensagem transmitida foi codificada e direcionada para o agrupamento globular  estelar M 13, a 25 000 anos-luz de distância, área do espaço que possui mais de 300.000 estrelas na Constelação de Hércules.

Fontes:
 http://pt.wikipedia.org/wiki/SETI
 http://pt.wikipedia.org/wiki/Mensagem_de_Arecibo
 http://lief.if.ufrgs.br/~gentil/astro2.html
 http://www.ccvalg.pt/astronomia/noticias/2009/10/30_vla.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário